Fernando II de Aragão

Rei da Espanha

Biografia de Fernando II de Aragão:

Fernando II de Aragão (1452-1516) foi rei da Espanha. O Católico,
Fernando II de Aragão, Valencia e Maiorca, V de Castela e Leão, II de Nápoles, II de Sicília e Conde de Barcelona.

Fernando de Aragão (1452-1516) nasceu em Sos, no reino de Aragão, no dia 10 de março de 1452. Filho de João II, rei de Aragão, com sua segunda mulher Joana Henriquez. Desde jovem mostrou-se ambicioso pelo poder. Seu irmão Carlos, filho do primeiro casamento era o herdeiro legítimo do trono.

No século XV, não havia um país chamado Espanha, só havia pequenos reinos independentes que lutavam entre si: Aragão, Castela, Granada (ocupada pelos árabes) e Navarra. Fernando dedicou toda sua vida objetivando alcançar plenos poderes políticos, prestígio e influência. Para conquistar o trono de Aragão, casou-se, no ano de 1469, com a prima Isabel, filha de João II, rei de Castela e descendente de João Gaunt, Duque de Lancaster, herdeira do reino de Castela.

Em 1474, Isabel é proclamada rainha de Castela, depois da morte de seu irmão, o rei Henrique IV. Fernando tentou proclamar-se rei, ignorando o direito de sua mulher, mas Isabel não permitiu. Em 1479. Fernando torna-se rei de Aragão, herdando junto com a Catalunha, Valencia e as ilhas Baleares. A união dos dois reinos foi realizada e Fernando foi reconhecido como rei de Castela. Isabel também foi reconhecida como rainha dos dois reinos, embora por lei continuassem separados, eram governados como um só reino.

Em 1481, Fernando II de Aragão e V de Castela, declarou guerra ao reino de Granada, dominada pelos árabes. Em 1492, Granada se rende e torna-se parte dos territórios dos Reis Católicos, como foram chamados pelo papa Inocêncio III. Nesse mesmo ano, foram expulsos da Espanha 165.000 judeus, pois os reis tentavam impor seu credo religioso a todos os seus súditos. Servindo-se da perseguição aos não católicos, Fernando e Isabel exterminavam todos os seus inimigos políticos ou qualquer outro indivíduo que colocasse em perigo os seus poderes.

O ano de 1492, marcado pela descoberta da América por Cristóvão Colombo, deu início de uma série de viagens que eram o reflexo da ambição espanhola. Em 1494, o Tratado de Tordesilhas foi acertado com o papa, era a partilha do Novo Mundo. Os Reis Católicos em busca de novas conquistas, voltaram sua atenção para a Itália, onde lutavam com a França por algumas terras. Em 1503, Nápoles foi anexada ao reino de Aragão. Em 1506, Navarra, que foi governada pelos franceses, foi reivindicada pelos Rei Católico e reconhecida em 1516.

Fernando de Aragão morreu em Madrigalejo, Cárceres, no dia 23 de janeiro de 1516.

Informações biográficas de Fernando II de Aragão:

Data do Nascimento: 10/03/1452
Data da Morte: 23/01/1516
Nasceu há 562 anos
Morreu aos 63 anos
Morreu há 498 anos

Última atualização do biografia de Fernando II de Aragão: 08/10/2012.
« Fernando Collor « Fernando Henrique Cardoso « Fernando II de Aragão » Fernando Lugo » Fernando Meireles »