Fernão Dias

Bandeirante paulista

Biografia de Fernão Dias:

Fernão Dias (1608-1681) foi um célebre bandeirante paulista. Ficou conhecido como "O Caçador de Esmeraldas". Os bandeirantes tinham o objetivo de procurar riquezas minerais e encontrar mão de obra indígena. Já no século XVI foram organizadas as primeiras expedições, que exploravam principalmente o litoral. No começo do século XVII, as bandeiras se embrenhavam pela mata em busca de mão de obra indígena, para trabalhar na plantação de cana de açúcar.

Fernão Dias (1608-1681) nasceu na vila de São Paulo de Piratininga. Era casado com Maria Garcia Betina, descendente do índio Tibiriçá pelo lado materno e de um irmão de Pedro Alvares Cabral pelo lado paterno. Possuía muitas propriedades em São Paulo e era dono de vários índios escravos.

A capitania de Pernambuco com seu solo fértil para o plantio da cana de açúcar e sua proximidade com o mercado europeu necessitava de grande número de mão de obra. Procurando escapar das dificuldades financeiras, a capitania de São Vicente organizou as bandeiras, que se tornariam empresas em busca de mão de obra indígena e riquezas minerais no sertão. Várias expedições foram bem sucedidas.

Fernão Dias de volta de uma expedição, em 1661, não soube o que fazer com tanto índio, devido a decadência da lavoura canavieira provocada pela concorrência holandesa nas Antilhas. O governo português preocupado com a crise econômica, passou a financiar as bandeiras e a conceder títulos e privilégios aos bandeirantes como forma de estimulá-los na procura das grandes minas.

Fernão Dias foi um dos representantes mais importantes desse período. Empreendeu em 1674, uma formidável caravana, da qual fazia parte seu filho Garcia Rodrigues Paes e seu genro Manuel Borba Gato. Atraídos pela lenda das esmeraldas de Sabarabuçu e a serviço da coroa, a bandeira deixou Guaratinguetá em São Paulo e seguiu rumo ao sertão.

Alcançou Paraopeba, hoje São Caetano, e dirigiu-se ao centro do atual Estado de Minas Gerais. Explorou a região mineira, durante sete anos, percorreu os vales dos rios São Francisco e Pardo. Explorou as encostas da Serra do Mar e a cabeceira do Rio Doce. Fernão Dias foi abandonado por diversos companheiros que retornaram à São Paulo.

Em Sabarabuçu, assim chamada pelos índios, fundou mais um arraial que denominou Sumidouro. Ali permaneceu quatro anos. A expedição encontrou ouro e pedras preciosas nas proximidades do Rio da Velhas. Atingiu o vale do Jequitinhonha, no centro de Minas Gerais, e foi lá que finalmente encontrou as sonhadas pedras verdes. Tomou o caminho de volta para São Paulo, mas encontrou a morte nas proximidades do rio das Velhas, sem saber que as pedras eram apenas turmalinas.

Fernão Dias Pais Leme morreu nas proximidade do rio das Velhas, Minas gerais, no ano de 1681. Garcia Rodrigues Paes seu filho mais velho, levou os restos mortais para São Paulo, onde foram enterrados na Igreja de São Bento.

Informações biográficas de Fernão Dias:

Data do Nascimento: 30/11/1607
Data da Morte: 30/11/1680
Nasceu há 407 anos
Morreu aos 73 anos
Morreu há 334 anos

Última atualização do biografia de Fernão Dias: 19/12/2013.
Biografias Relacionadas
« Fernando Sabino « Fernão de Magalhães « Fernão Dias » Ferreira Gullar » Fidel Castro »