Nero

Imperador romano

Biografia de Nero:

Nero (34 – 68) foi imperador romano entre os anos de 54 a 68 da era cristã. Fez parte da dinastia Júlio - Claudiana, sendo considerado um dos mais cruéis imperadores da história de Roma.

Nero (34 – 68) nasceu na cidade de Anzio, Itália, no dia 15 de dezembro de 37. Nero Cláudio Augusto Germânico, era descendente de uma das principais famílias romanas, ascendeu ao trono após a morte de seu tio Cláudio, que o nomeou seu sucessor.

Nero tornou-se imperador romano no dia 13 de outubro de 54. Numa época de grande esplendor do Império Romano. Construiu teatros e promoveu jogos e provas atléticas. Segundo alguns historiadores da Antiguidade, Nero empreendeu algumas incursões militares de expansão na região da atual Armênia. Suas decisões políticas, militares e econômicas foram influenciadas por sua mãe Agripina e por seu tutor, Sêneca.

Sob o governo de Nero Roma teria conhecido o clímax do desregramento moral e político, o imperador foi acusado de ter ateado fogo em Roma e posto a culpa nos cristãos, por se negarem a adorá-lo como um deus. Com Nero teve início as grandes perseguições aos seguidores do cristianismo. Depois de presos, eram levados aos circos, e em grandes espetáculos populares, eram jogados aos leões ou outros animais selvagens ou mesmo aos gladiadores.

Nero foi ainda acusado de matar, no ano 55, o filho do ex – imperador Cláudio e em 59 ordenou o assassinato de sua mãe Agripina. Reprimiu a conspiração de Piso, que teria planejado matá-lo. Perseguiu o filósofo Sêneca, o que o levou ao suicídio.

Os desmandos de Nero provocaram uma revolta no exército e no senado. Um golpe de estado de vários governadores levou o imperador a se suicidar. Nero morreu em Roma, no dia 6 de junho de 68, pondo fim a dinastia Júlio – Claudiana.

Última atualização do biografia de Nero: 05/01/2015.
« Nelson Mandela « Nelson Rodrigues « Nero » Neymar » Nicholas Sparks »